Welink Legal Welink Legal
keyt-mariano-entrevista

Dra. Keyt Mariano | Entrevista

Welink Legal

Welink Legal

Dra. Keyt Mariano | Entrevista

Keyt Mariano tem 46 anos é advogada e fundadora da sociedade Keyt Mariano, exercendo funções na região de Aveiro. 

Qual tem sido o seu percurso profissional? 

Ainda no quarto ano de faculdade tive a oportunidade de estagiar no balcão de justiça e cidadania como Conciliador e Mediadora. Este estágio permitiu-me adquirir conhecimentos práticos e teóricos, essenciais para a minha profissão. 

 

A minha licenciatura ainda foi feita no Brasil, na Faculdade Anísio Teixeira. No Brasil, antes de morar em Portugal, trabalhei também em nome individual. 

 

Quando vim para Portugal, sabia que as diferenças nas leis eram muitas e tive de me preparar e estudar muito bem a lei portuguesa mas com muito rigor e trabalho consegui integrar-me no mercado português. 

Há quanto tempo exerce esta profissão?

Estou no ramo da advocacia há 7 anos. 

Como criou o gabinete?

Ainda no Brasil abri o meu gabinete, juntamente com o meu irmão que também trabalha na área de advocacia. Quando vim para Portugal foi continuar este trabalho, começar do zero aqui em Portugal mas continuar com a mesma vontade e persistência.

Qual é o seu papel no gabinete? / Quais são as tarefas do dia a dia?

Como exerço em nome individual tenho responsabilidades relacionadas com a advocacia mas também com a parte administrativa

Como é que é um dia típico na sua vida como advogada?

Gosto de ver a minha agenda, gosto de ver o Diário da República para me manter atualizadas, reler os processos em que estou a trabalhar. Para mim, a profissão de advogado é muito superior ao conhecimento das leis, é necessário um acompanhamento diário com os clientes. Pretendo que o meu trabalho seja conhecido pela transparência e inovação

É especialista numa área (negócios, finanças, riqueza, divórcio...) ?

Ao trabalhar num gabinete por conta própria, trabalhamos com todas as áreas do Direito e gosto de poder ajudar os meus clientes com todos os seus processos. 

 

Particularmente, têm surgido mais contactos para imigração, civil, família e sucessões assim como contratos. Neste momento, estou também a frequentar um mestrado em direito tributário, é uma área que me interessa bastante.

Quais são, na sua opinião, os aspetos positivos deste trabalho ? (o que torna o seu trabalho agradável e motivador)

Saber que posso ajudar o próximo, ajudar as pessoas é o mais gratificante que existe !

Quais são as principais dificuldades no seu trabalho?

Principalmente, a demora nos processos. Muitas vezes não depende de mim nem do cliente (que também não gosta da espera) mas acaba por ser o mais desmotivante na profissão. 

Quais são as dificuldades que encontra quando está a trabalhar para desenvolver a notoriedade e aumentar a sua rede de contactos?

É um processo difícil, sim. A primeira comunicação começou com um processo de execução que teve sucesso e a partir daí foi muito o dito boca-a-boca. A satisfação dos meus clientes vai sempre trazer novos e isso é gratificante também !

Quais são as qualidades necessárias para exercer a sua profissão?

Para mim, a eficiência, a humildade e a transparência. 

O que é que diferencia o seu gabinete ? Em que é que se destaca ?  

Gosto de trabalhar com humildade, com muita transparência. Integridade, humildade, inovação em todos os processos e para todos os clientes. Tenho muita responsabilidade perante os meus clientes. 

Quais são as competências-chave da sua profissão?

As palavras-chave, na minha opinião, ter conhecimento jurídico, inteligência emocional, relacionamento interpessoal, capacidade de negociar, flexibilidade e visão estratégica.

Como é que se descreve no contexto profissional ?

Descrevo-me como uma profissional comprometida, persistente, preocupada com os meus clientes.

Quais são as perspetivas de desenvolvimento na sua posição?

Quero ampliar os meus conhecimentos noutras áreas do direito. 

Uma palavra para novos colegas de profissão:

Diferentemente do que as pessoas pensam. Advogado não é tarefa fácil mas é muito gratificante. Não fazemos só a aplicação da lei. Conhecimento técnico, jurídico. Tem de estar sempre atualizado,  sempre a estudar. É gratificante por saber que ajudamos os clientes. Gratificante saber que o juíz concorda consigo e com a apresentação do seu caso.

 

É advogado ou solicitador?

Referencie o seu escritório no primeiro website especializado para advogados e solicitadores!