Welink Legal Welink Legal
tiago-lemos-entrevista

Dr. Tiago Rodrigues Lemos | Entrevista

Welink Legal

Welink Legal

Dr. Tiago Rodrigues Lemos | Entrevista

Tiago Rodrigues Lemos é Advogado e fundador da Sociedade de Advogados Oliveira & Lemos Advogados.

Qual tem sido o seu percurso profissional? 

Desde o início do meu estágio na Ordem dos Advogados que tive contacto com a realidade do dia-a-dia desta profissão, nomeadamente, o contacto direto com o Cliente, com as suas pretensões, intenções, ansiedades e preocupações. Quando terminei o estágio continuei a prestar assessoria no escritório do meu patrono, tendo inclusive, assumido a direção deste escritório e dos Colegas de profissão que aí colaboravam. Paralelamente, criei o meu escritório de advocacia, já que, desde o início do meu contacto com a profissão, tinha presente em mim os ideais e valores que queria incutir numa organização distinta e que se demarcasse das demais por esses ideais e valores.

 

Neste momento, encontro-me a frequentar o Mestrado em Direito dos Contratos e da Empresa, com o objetivo de obter especialização neste ramo do Direito.

 

«Quando se faz o que se gosta não se cansa» 

 

No n/ escritório trabalhamos com as várias áreas do Direito, principalmente, Família e Sucessões, Criminal, Comercial e Societário, problemas com Condomínios, Imobiliário, etc..

Como criou o seu escritório? 

Desde que entrei no estágio que me via a trabalhar em nome individual e não em grandes sociedades, isto porque, gosto muito de gerir o meu tempo e também tendo em conta os valores pelos quais me guio.

 

O meu trabalho passa por um escritório de dimensão menor onde consiga ter a minha liberdade e a minha estrutura. Daí, a criação de Oliveira & Lemos – Advogados. 

 

O meu objetivo é que com independência e gestão do tempo o escritório possa crescer sem nunca perder um pressuposto essencial de existência – Advocacia direcionada para o Cliente. 

 

O que é que diferencia o seu escritório, em que é que gosta de se diferenciar? 

Vejo que em muitos escritórios o Cliente é visto única e exclusivamente como uma forma de ganhar dinheiro, de ter lucro. As preocupações do Cliente são secundárias … 

 

No meu escritório, os interesses do Cliente vêm, sempre, em primeiro lugar. A intenção imediata é resolver a situação premente e trazer tranquilidade para a vida do Cliente.

 

No meu escritório, o Cliente liga, a chamada é atendida ou devolvida assim que possível. Existe um acompanhamento à medida do cliente. As soluções não podem ser gerais, o escritório tem como missão apresentar as melhores soluções, específicas para cada problema… 

 

O acompanhamento constante é essencial para o cliente estar informado de todos os desenvolvimentos. Não nos esqueçamos que apesar de ser o nosso trabalho intelectual, a vida é do cliente. 

Como é um dia típico na sua vida como advogado? 

Normalmente os meus dias começam muito cedo. Ao Domingo gosto de planear a semana de trabalho e assim organizar a semana que se aproxima. 

 

Durante a semana, começo por ver a minha agenda e tratar de algumas chamadas. Depois passo para os processos, se tiver uma constituição de sociedade isso é uma prioridade, se tiver de redigir uma ação é também algo que faço pela manhã, por ter maior capacidade criativa. 

 

Da parte da tarde, trato de redação de contratos e outros assuntos que possam ir surgindo. 

 

Em casa, já depois das 21h, continuo a analisar o dia de trabalho seguinte. Para mim, a organização é a chave. Não existem respostas tardias, não existem esquecimentos ou não saber os prazos que estão em calendário. Estou e, por conseguinte, estamos disponíveis para os nossos Clientes.

É especialista numa área (negócios, finanças, riqueza, divórcio…)? No seu perfil apresenta várias competências e áreas do direito no seu perfil. Tem preferência/gosto por alguma área em específico? 

Temos uma sociedade pequena, porém temos colaboradores para assessorar em todas as áreas do direito mediante as necessidades do Cliente. 

 

Pessoalmente tenho um gosto particular pela área empresarial: fiscal, alterações societárias, redações de atas, contrato, por aí diante. Gosto de ajudar as empresas a resolver todos os processos que as mesmas tenham, sejam estes relacionados com a segurança social ou a autoridade tributária. 

 

Uma outra área que também gosto é o setor imobiliário: arrendamento, contratos-promessa de compra e venda. 

 

Mas como referi, somos advogados e estamos disponíveis para ajudar em qualquer área do direito que o nosso Cliente possa necessitar. 

Quais são, na sua opinião, os aspetos positivos deste trabalho? (o que torna o seu trabalho agradável e motivador).

Para mim, o mais motivador passa pela disponibilidade/flexibilidade de horários, facilidade de gerir a minha semana e conseguir ter tempo também para a minha vida pessoal. No fundo, a liberdade de escolher o que faço, quando faço e como faço.

 

Ser um negócio de pessoas também é algo que sempre me motivou. Gosto de ajudar as pessoas, de fazer com que se sintam acompanhadas e que saibam que vou estar sempre disponível para as ajudar e tranquilizar. 

Quais são as principais dificuldades no seu trabalho?

As dificuldades que identifico, são principalmente duas: o facto de não termos uma remuneração fixa, é uma dificuldade, não sabemos com o que podemos contar, só sabemos que quanto mais trabalharmos mais vamos ganhar. 

 

Por outro lado, o conhecimento do escritório já não é feito com avisos nas portas ou anúncios nos jornais. Porém, a notoriedade de um escritório não significa a qualidade do mesmo. 

 

A dificuldade, para mim, está na apresentação de um escritório diferenciador, mas de forma a que o Cliente consiga perceber a qualidade do mesmo, sem ser forçoso ou presunçoso. 

 

Ajudar as pessoas e a satisfação do Cliente é em primeira mão a nossa ferramenta para conseguir aumentar a rede de contactos e assim aumentar a nossa notoriedade. 

Quais são as qualidades necessárias para exercer a sua profissão?

Existem muitas qualidades. Mas quem chega até nós sabe que podemos ajudar. A qualidade imprescindível para um Advogado é o sentido de responsabilidade acima da média. Resposta rápida, disponibilidade, organização – tudo está na responsabilidade. Se a pessoa está dependente de nós não podemos falhar – se falharmos temos de assumir o erro e fazer com que se resolva a situação e não se repitam novos erros. 

Quais são as perspetivas de desenvolvimento na sua posição?

Trabalhar para crescer com qualidade, trabalhar com pessoas com as competências e valores similares aos meus, pois são estas que me vão ajudar neste processo de crescimento. A Oliveira & Lemos vai crescer até encontrar o seu equilíbrio, não queremos perder os valores da nossa estrutura com o crescimento da mesma.

Uma breve palavra no final?

Para recém Advogados, colegas de profissão, aconselho que procurem um contacto envolvente, um contacto real com a profissão. Todos devemos procurar mais que um estágio, a oportunidade de nos incutir esta responsabilidade, um estágio nas diversas áreas de direito para conseguir perceber o gosto por cada área. 

 

A par disso, trabalhar sempre com o fito de que os interesses e pretensões do Cliente são o objetivo.

É advogado ou solicitador?

Referencie o seu escritório no primeiro website especializado para advogados e solicitadores!